18 de junho de 2012

“E, todavia como é difícil explicar-me! Há no homem o dom perverso da banalização. Estamos condenados a pensar com palavras, a sentir com palavras, se queremos pelo menos que os outros sintam connosco. Mas as palavras são pedras.”  
- Virgílio Ferreira

Sem comentários:

Enviar um comentário